Regulamento do campeonato brasileiro série B

A Série B será disputada por 20 clubes no sistema de ida e volta por pontos corridos.

Em cada turno, os times jogam entre si uma única vez. Os jogos do primeiro turno serão realizados na mesma ordem no segundo turno, apenas com o mando de campo invertido.

Não há campeões por turnos, sendo declarado campeão o time que obtiver o maior número de pontos após as 38 rodadas.

Ao final, os quatro primeiros times ascenderão para a Série A de 2019, da mesma forma que os quatro últimos cairão para a Série C do ano seguinte.

O campeão ingressará diretamente nas oitavas de final da Copa do Brasil de 2019.

História do Brasileirão Série B

A segunda divisão do Campeonato Brasileiro de Futebol começou em 1971, mas passou a ser disputada com regularidade apenas na década de 80.

Nos anos 70, com exceção de 1971 e 1972, o certame nacional era bastante democrático, com o objetivo de integração nacional, e por isso disputado sem divisões de acesso.

Na primeira metade dos Anos 80, a chamada Taça de Prata era uma espécie de divisão de acesso do futebol brasileiro – Campeonato Brasileiro Série B.

A Taça de Prata era justamente a competição destinada às equipes que não conseguiam se classificar para a Taça de Ouro, mas contava com um regulamento que previa o acesso, no mesmo ano, para a Primeira Divisão, das equipes que tivessem a melhor campanha.

Em 2006, o campeonato já conhecido como Série B, foi disputado pela primeira vez em pontos corridos, com turno e returno. No sistema atual, os quatro primeiros sobem para a Série A e os quatro últimos são rebaixados para a Série C. Até 2015, nesta era dos pontos corridos, 13 clubes subiram para a Série A e caíram de volta logo no ano seguinte, a saber: Fortaleza, Brasiliense, Santa Cruz, América de Natal, Portuguesa, Ipatinga, Santo André, Guarani, América Mineiro, Sport, Avaí, Vasco da Gama e Joinville.

1 Star2 Stars3 Stars4 Stars5 Stars (1 votes, average: 5,00 out of 5)
Loading...